Não deixe o planejamento ser interrompido!

Já se dispôs a “construir” uma casa ou sua casa? Como você decide iniciar essa construção? Planejamento!

Coloca na ponta do lápis toda as suas aspirações para a obra, estipula prazos e verifica seu orçamento. Desde o início acompanha a edificação para que o andamento da mesma seja correto, sem falhas e sem desvio da estratégia.

Assim começou a obra faraônica de Mario Celso Petraglia para conduzir o Atlético ao status que carrega hoje. Sentou, analisou e estipulou prazos e metas para todas as realizações das obras que envolvem o Furacão. Mas e se de repente no decorrer de sua obra, alguém “roubasse” seu lugar de mestre e destoa-se daquilo que planejou? Como você se sentiria? E se Petraglia não pudesse seguir o planejamento inicial por ter que dar “lugar” a outra pessoa? Será que o comprometimento com a obra e a experiência, visão e planejamento seriam os mesmos? Será que a obra seria cumprida? Ou simplesmente gastariam o resto dos recursos em móveis e decorações de gosto duvidosos?

Muito fácil querer decorar a casa antes do fim da obra, o difícil mesmo é conclui-la para depois pensar nos móveis. Penso que se outro for eleito presidente do Atlético isso ocorrerá e será um desastre completo, levando abaixo e as ruínas mais de 20 anos de dedicação de Petraglia ao clube. Necessitamos mesmo é que as últimas pinceladas de tinta sejam dadas na “casa” para depois tomarmos conta de nos ocuparmos com os móveis ou no caso um time vencedor, recheado de craques. Não estamos fazendo bonito, mas também não acho que estamos fazendo feio perante o cenário nacional.

O Furacãozinho acaba de conquistar uma vaga na final da Copa do Brasil sub 20 e que honra, que orgulho das nossas categorias de base, que trabalho fantástico e recuperado com louvor na nova gestão de Petraglia como presidente do clube de maior torcida do Paraná. A impaciência é inimiga da perfeição, elas não se dão, por isso acho necessária uma boa dose de paciência e de comprometimento da própria torcida com o planejamento para que não atrapalhe o que ainda está por vir.

Petraglia sempre pensou grande, sempre arquitetou grande e sempre realizou o grande pelo Atlético, tornando o Furacão realmente grande e aspirando ser maior ainda. Sei da simpatia de alguns pelos nomes propostos pela oposição, mas confesso que meu medo maior é que o planejamento atual seja interrompido no meio do caminho e boa parte da torcida esqueça de dar uma chance ao projeto CAPGIGANTE que sempre esteve em andamento.

Ganhamos os principais títulos na administração de Petraglia. Não importa se ele era o presidente ou o testa de ferro, mas ele sempre esteve lá para conduzir o Atlético as glórias, nunca deixou de cumprir o que prometeu. No momento em que outras “mãos” pegaram o “osso” a força, viu-se um gigantesco despreparo, tanto administrativamente quanto futebolisticamente falando. Quem lembra: O caso “Morro (Garcia) e não vejo tudo”? As brigas corriqueiras entre nossos próprios jogadores tanto em campo, como em vestiários e fora deles? A segundona a que foi remetido o Furacão? As contratações milionárias que não deram em nada, inclua-se nessa lista Renato Gaúcho? A goleada que sofremos em nossa casa para o rival quando poderíamos ter conquistado o título de 2009? E outras peripécias do antigo presidente à frente do nosso amado clube.

Pior que viver um ano sem títulos é viver a desorganização e ser remetido a um poço bem fundo de esquecimento e de tristeza. O Furacão está nas mãos certas, o planejamento existe e necessita de continuidade. Parar a obra agora e entregá-la a outro desconhecido pode levar a ruína tudo que foi elaborado e cumprido até o momento e consequentemente o desvio do futuro glorioso que propõe o atual presidente. São mais 4 anos e mais 4 anos não irão tirar pedaços de ninguém, o Atlético só tem a ganhar.

Sei que em breve nosso grande presidente não mais estará à frente do Furacão e todos poderão fazer testes e brincar de presidente o quanto quiserem, mas até lá, ainda quero ver o projeto concluído e poder quem sabe me orgulhar de outras estrelas de diversas cores bordadas sobre o escudo rubro negro. Vale você refletir e pensar que é um tempo muito curto, que vale a pena ser vivido e que pode nos trazer benefícios infindáveis e uma alegria eterna. Pode ser definitivamente a glória que tanto almejamos.

Se arrisque e pague pra ver, o tempo é o senhor da razão, dele nenhum de nós escapamos e tenho a plena certeza que em breve Petraglia será mais do que um nome de Presidente e se tornará um nome imortal.

Clube Atlético Paranaense, Mario Celso Petraglia e CAPGIGANTE, o futuro é de glórias! Quem viver verá!

Autor: Robson Izzy Rock

One thought on “Não deixe o planejamento ser interrompido!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *